[Fechar]
Sindicato APEOC - Camocim
Sindicato APEOC - Camocim

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

DESABAFO: Esse tipo de associado não serve para a nossa Entidade


Diante das vaias de associados dirigidas ao representante do Sindicato APEOC em Camocim, na Câmara Municipal, em 17 de janeiro, é bom que cada sócio da Entidade faça a seguinte reflexão: Será que preciso de Sindicato para defender a categoria ou basta apenas que o meu candidato assuma a prefeitura? 

Depois de tanto lutarmos (há mais de 10 anos) para a consolidação de uma escola pública de excelência, construída por profissionais reconhecidos, respeitados e valorizados, ainda vem na boca um gosto amargo de FRUSTRAÇÃO ao constatarmos que: lutar contra a insensibilidade e a incompetência desses governos daqui (de hoje e de ontem) é natural. Já estamos preparados para isso. Faz parte da luta. Agora, ter que sofrer a oposição dos nossos próprios pares, daqueles por quem lutamos, quando estes resolvem defender o errado só porque lhes é vantajoso: Ninguém merece!

A grande verdade é que:

Muitos associados só querem um Sindicato que defenda seus interesses pessoais. Eles não têm o senso de categoria.

No passado eles foram injustiçados, e com lágrimas nos olhos nos procuraram pedindo e encontrando guarida em nossa Entidade. E nós nos esgoelamos por eles. Nas rádios, nos blogs, na Promotoria, no Fórum, etc. Onde podíamos nós fomos. Mas, agora eles são do time da prefeita e ao invés de lágrimas nos olhos ele têm baba na boca. Ferozes, como cães de guarda. Espreitam as suas vítimas, seus próprios colegas de trabalho, de profissão, mas que se tornaram seus inimigos desde o dia em que eles ganharam cargos comissionados de diretor, coordenador, etc.

Muitos deles estavam conosco, quase que diariamente. Caminhavam ao nosso lado. Todavia, fingiam que defendiam a categoria. Mas agora eles ocupam cargos importantes e mostraram o que realmente eles sempre foram: pessoas egoístas, oportunistas, preocupadas apenas com o "próprio umbigo". Pessoas assim têm como filosofia de vida aquela máxima: "Farinha pouca, meu pirão primeiro". A constituição deles é a Lei de Gerson, aquela onde só consta um artigo: "Levar vantagem em tudo". Eles não se preocupam com o próximo. São filhos de Caim. 

Eles antes pediam justiça na Promotoria, na Câmara e no Fórum - conosco, sempre. Agora, eles é que mandam a gente procurar a justiça se estivermos "achando ruim". Meu Deus, que tipo de gente é essa?

Na época do ex-prefeito Chico Vaulino, como doeu em nós ver companheiros associados indo pra Câmara, a mando do Secretário, para aos gritos se opor à voz do Sindicato que pedia em favor deles a não aprovação do Plano de Carreira como estava no projeto!

Doeu sim. Choramos. Mas tínhamos esperança de que aqueles que naquele momento choravam conosco, quando as coisas mudassem (e mudaram, pelo menos o governo mudou de mãos), eles lembrariam do que sofreram e agiriam diferente. Mas o quê? Estão fazendo igual ou pior.

No último dia 17, o Sindicato APEOC - Camocim mais uma vez foi hostilizado pelos idólatras que veneram os seus senhores feudais. Mas, entre aqueles que gritavam "FORA, FORA!", estavam também os nossos "companheiros de luta", aqueles que levam a carteirinha de nossa Entidade no bolso (ou na bolsa), mas não carregam no coração o sentido de ser um educador. 

Que cada uma dessas criaturas, em que servir a carapuça, possa refletir sobre sua condição de servidor da educação e de associado desta Entidade. Ainda há tempo para arrependimento e de mudança. Caso contrário, que deixe de hipocrisia e pondere se há sentido em permanecer no nosso quadro social.

A Luta pela categoria continua! (Você está lutando?)

Sindicato APEOC - Camocim

Nenhum comentário :

Postar um comentário